BI e Cédulas tem sido os documentos mais procurados por imigrantes

As autoridades migratórias na Zambézia, reencaminharam este ano ao Ministério Público, quatro casos de aquisição fraudulenta de Bilhetes de Identidade moçambicanos apreendidos nas mãos de cidadãos estrangeiros.

Sabe-se que nos últimos tempos, a Zambézia tem estado na linha da frente no que tange a imigração ilegal e vários cidadãos de nacionalidade estrangeira usam a província também como corredor. 

Na semana finda, o director do Serviço Provincial de Migração nesta parcela do país, Marcelino Pedro disse num evento, embora sem avançar muitos detalhes que o sector que dirige enviou expediente a Procuradoria Provincial concernente a este caso de porte de documentos nacionais por parte de alguns estrangeiros em situação de ilegalidade.

Ler mais na versão pdf, mediante subscrição.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*