Morte do Chefe das Operações na 1ª Esquadra: Processo encalhado no Tribunal

Foi na noite do dia 01 de Setembro de 2020, que o então chefe das Operações da 1ª Esquadra da Polícia da República na Zambézia, Rafael Manjate foi crivado à tiros, algures no bairro Sinacurra, uma acção perpetrada supostamente por 02 colegas (agentes da polícia), que nessa altura, em sua companhia, pretendia desmantelar uma suposta quadrilha.

O crime trouxe muitos questionamentos no seio da polícia e, logo em seguida, os referidos atiradores foram presos preventivamente, enquanto decorria o processo de investigação.

Dois meses depois, conforme soube o Diário da Zambézia, o Ministério Público, através da Procuradoria Provincial, acusou os autores deste crime (cujo o número do processo não tivemos acesso) e submeteu todo dossier ao Tribunal Judicial da Província da Zambézia(TJPZ), isto no dia 10 de Novembro de 2020, portanto, dois meses depois.

Ler mais na versão pdf, mediante subscrição.

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*