Centenas de alunos recebem aulas debaixo de árvores

Volvido quase um mês de reinício das aulas presencias em todos subsistemas de ensino à escala nacional, a província da Zambézia ainda não tem salas suficientes para albergar alunos e, consequentemente garantir as medidas de prevenção da pandemia da Covid-19, dai que continuaram a recorrer em sombras de árvores para ensinar.

Até semana finda por exemplo, tinham sido improvisadas cerca de 800 turmas ao ar livre, ou seja, debaixo de árvores ou outros locais pouco adequados para lecionação, que corresponde a mais de 8 mil alunos de diferentes classes, tal como avançou recentemente ao Diário da Zambézia, o porta-voz do sector a nível desta parcela do país.

Ler mais na versão pdf, mediante subscrição.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*