OPINIÃO: O que se passa em Mocuba com tio Sotomane?

Eu sempre disse, essas coisas de empresários deixarem seus negócios para irem ao poder, as vezes não cai bem.

Tio Geraldo Sotomane, o qual nutro muito respeito por vários motivos, foi sempre um senhor do bem, respeitoso, trabalhador, etc, mas ao que me parece, de longe, cada dia que passa está cavar um buraco e ainda bem que a Lei das Autarquias mudou, já não há espaço para  eleições intercalares.

Todos sabem das marafundas que a antiga edil, Beatriz Gulamo teve durante a vigência do seu mandato. Mas também muitos de vocês sabem que, a escolha(interna) do tio Sotomane para ser candidato teve muitos entretantos e até usaram-se várias influências como de costume. Tudo bem, a coisa passou e o meu tio foi eleito, tomou posse e começou a governar.

Com o andar do tempo, Mocuba vinha(pelo menos) do lado do fora, mostrando que era uma cidade que estava voltar a ser mesmo a segunda capital. Politicamente, todos eventos de vulto passaram a ser realizados lá, não há dirigente que viesse sem que chegasse à Mocuba, enfim.

Por outro lado, o meu tio sempre vangloriou-se em ser um best manager, mostrando que era possível sim viver de receitas próprias, ou seja, pagar maior parte das despesas com receitas que eram colectadas pela autarquia. Só parece que ele esqueceu-se de um detalhe. Puxar a manta para a cabeça, deixar os pés soltos, logo o frio começou a entrar dos pés e atingiu o corpo todo e ficou febril.

De uns tempos para cá, a autarquia de Mocuba está mergulhada numa crise financeira de arrepiar, onde não se consegue pagar salários aos vereadores e membros da Assembleia Municipal. Quando se questiona porquê, a resposta é única “não estamos a conseguir coletar receita”.

Resultado, tio Sotomane foi ao banco, onde já foi gerente para pedir empréstimo para ver se supera a crise. Está difícil…dinheiro não cobre as despesas e agora, tudo começa a ficar complicado.

Não há paz, porque torna-se difícil um Vereador que não recebe salários desde Novembro de 2020 até agora, estamos a caminho de Fevereiro, eipaaaa. O mais engraçado nisto tudo é o silêncio de alguma comunicação social. Eles fazem de contas que não sabem de nada, mas ainda bem que há outros atentos.

Eu me solidarizo com tio Sotomane, claro em palavras e espero que ele consiga rapidamente safar-se dessa, do fundo do coração.

Prontos…vamos lá ver no que vai dar daqui em diante “não falei nada”.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*