Circulação moto-ciclistas: autarquia cria ciclo-vias

Ciclo-vias, (espaço dedicado aos ciclistas e taxistas) é um projecto que o edil da cidade de Quelimane, Manuel de Araújo  vem prometendo. A ideia é reservar um espaço na via pública para a circulação dos taxistas e isso poderia reduzir no nível de acidentes. Mas o tempo passou e até tentaram ensaiar por exemplo a partir da avenida Heróis de Libertação Nacional, passando pelo Instituto de Formação de Professores até a avenida Eduardo Mondlane, mas sem grandes ações visíveis porque na verdade apenas reservou-se um espaço sem condições.

Mesmo assim, a edilidade não desiste e ao que parece, de acordo com o comunicado que tivemos acesso, a autarquia pretende colocar ciclo-vias.

Segundo as mesmas informações, o projecto será lançado nesta sexta-feira (20), numa fase piloto, a partir do jardim dos Namorados, na zona da Sagrada Família, onde ao longo do tempo poderá ser expandido para outras estradas da urbe. Aliás, o Diário da Zambézia testemunhou nesta quinta-feira a demarcação de ciclo-vias no troço que liga Sunlight aos Capachinhos, respectivamente.  

Sabe-se que em cada rua da cidade será reservado o espaço de 1 metro só para os ciclistas com vista a proteger e valorizar a vida destes e dos seus clientes. O lançamento será testemunhado pelo presidente da Autarquia, Manuel de Araújo e espera-se que haja uma redução de acidentes de viação, principalmente entre ciclistas/carros, bem como peões/carros que tem sido frequentes nos últimos tempos, não só na cidade de Quelimane, mas também em toda província da Zambézia.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*