Alerta: Armindo Primeiro está em tribunal(agora)

Uma comunicação  da Procuradoria Provincial da Zambézia recebida na nossa redação(Diário da Zambézia), indica que por estas alturas(11:40 minutos), Armindo Primeiro, ex director provincial de Educação e Desenvolvimento Humano, acusado nos crimes de corrupção, peculato e abuso de cargo, encontra-se no Tribunal Judicial da Província da Zambézia para mais uma audição no caso que remonta desde 2017, que leva o nr 46/2017, onde a direção por si chefiada na altura, terá ordenado o pagamento de cerca de 3 milhões de meticais para a reabilitação da Casa de Cultura do distrito de Chinde, mas que nem sequer uma parede sofreu remodelação.

Em actualização nas nossas plataformas

1 Comentário

  1. De verdade,nada foi remodelado,até porque eu usei uma parte que tem o compartimento de bar,dai me retiraram porque sou da oposição, força procuradoria mesmo cá no Chinde estão cheio de ladrões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*