Assassinato de Matavel: Julgamento decorre em Xai-Xai

São no total sete arguidos, quatro dos quais, agentes da polícia da República de Moçambique e um outro cidadão, neste caso, o Edil de Chibuto, um morto e outro foragido, que são  acusados pelo Ministério Público de serem os autores morais e materiais na morte do activista Anastácio Matavel a 07 de Outubro de 2019, quando este saia duma ação de formação de Observadores Eleitorais que iriam supervisionar as eleições de 15 de Outubro.

Em actualização

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*