Dois anos sem Dhlakama…uma outra Renamo?

Moçambicanos e membros da Renamo em particular, recordaram neste domingo (03), dois anos após a morte do antigo líder deste partido, Afonso Dhlakama que perdeu a vida a 03 de Maio de 2018, vítima de doença.

Dhlakama morreu numa altura que liderava as negociações de paz efectiva e o Processo de Descentralização do Poder para as províncias entre o seu partido e o Governo, que finalmente hoje está em implementação, embora não seja no modelo que o malogrado ansiava.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*